CÂMERA CELULAR - BERNARDO MENDES




Poucos dias antes do inicio das filmagens, eu (Muleta) Raphael Gasparini e João Paulo Alcantra fomos ao Rio para as ultimas reuniões com equipe e elenco de lá, passamos dias definindo coisas, arte, figurino, maquiagem, maquinaria, resolvemos varias pendências, em um fim de tarde, estávamos na Cinerama Brasilis esperando o Omar para o que seria nosso ultimo ensaio antes das filmagens. Ele tinha me falado que iria trazer um amigo ator que tinha interesse em participar do longa, e foi assim que o Bodão apareceu, quando dois chegaram eu fiquei meio com pé atrás com aquela figura, mas isso só durou 5 minutos, na nossa primeira conversa a “vibe” já rolou, fomos todos dos para o meu apartamento em Botafogo e fizemos uma leitura irada do roteiro, naquela ocasião o Bernardo leu o personagem do Caio, que até então se chamava Jamaica, o Caio Vaz ainda não tinha entrado e o Caio Castro tinha acabado de sair do filme, no fim das contas o Bernardo interpretou um personagem que se chama Denner Vianez, que é um homenagem ao grande fotografo Capixaba com mesmo nome. O “B” é um grande artista, um cara talentoso e sensível, muito simples participou de todo processo de filmagem, trabalhou fechando ruas, servindo água, cuidado de figuração, foi motorista, enfim fez de tudo um pouco, mas o mais incrível disso tudo foi a maneira que ele conquistou o coração de todos os membros da equipe, com sua boa energia ele só colocava a galera pra cima.
Saudade do amigo...
Assim que as filmagens acabarão ele cortou os dread’s




























video

2 comentários:

  1. bjaoooooo pro ber!!! adorei conhecer... gente boa demais... muito querido!!
    Tati C.

    ResponderExcluir
  2. me amarrei nas fotos !! quero ver o filmeee !!!!

    ResponderExcluir